Trama Afetiva

Pode um olhar transformador dar um novo sentido aos resíduos têxteis?

 

O projeto TRAMA AFETIVA é uma iniciativa da FHH com direção criativa de Jackson Araujo e Luca Predabon, acredita que sim. Desde 2016 reúne estudantes e profissionais interessados em repensar consumo, questionar modelos de organização social e econômico e investigar os verdadeiros valores contemporâneos tendo como ferramenta de transformação o DESIGN de significado.

 

 

É fato que o consumo mundial está passando por uma mudança significativa devido a um novo comportamento focado num pensamento ético e socioambiental. Segundo o diretor criativo do projeto, Jackson Araujo, idealizador do TRAMA AFETIVA, “a indústria e o varejo precisam se aproximar das novas relações de criação, produção, educação e consumo. É necessário ficar atento à falta de sinergia entre o aprendizado formal de design e moda e a nova realidade de mercado que vem se estabelecendo. Nossa proposta é dar o start na formação de profissionais dentro desta nova visão de mercado’.

 

Em sua primeira edição, em 2016, o programa reuniu importantes designers – Alexandre Herchcovitch, Marcelo Rosenbaum e Patrícia Centurion, na orientação de estudantes e profissionais interessados em desenvolver um processo criativo e produtivo mais afetivo e manual, que também contou com a colaboração das costureiras do Cardume de Mães. As imersões e oficinas aconteceram em São Paulo e tiveram como principal objetivo promover uma experiência colaborativa de aprendizagem em upcycling com foco em design, moda e empreendedorismo nas práticas transformadoras da Economia Afetiva - um modelo de produção e consumo voltado para a geração de valor e responsabilidade socioambiental por meio da ressignificação de processos e produtos. O grupo criativo criou também a Coleção Casca, uma coleção de vestimentas e produtos para a casa criados com resíduos têxteis da Cia.Hering. Como forma de ampliar o acesso, parte do conteúdo foi transmitida ao vivo pelo Facebook.

 

Entre 2016 e 2018 o projeto fortaleceu sua rede e compartilhamos nossos aprendizados e nosso olhar materializado em peças têxteis em diversas situações e eventos como M.A.D.E. – Mercado.Arte.Design, Festival MECAInhotim, TEDx e Feira Rosenbaum. Também criamos a Exposição Trama Afetiva no Shopping Neumarkt e Parque Europeu, em Santa Catarina, dividindo com o público alguns frutos importantes gerados pelo projeto.

 

 

 

 

Segundo Amélia Malheiros, gestora da Fundação Hermann Hering, “o TRAMA AFETIVA parte do princípio de que vivemos uma nova era movida pelo senso de responsabilidade coletiva e por um novo poder regido pela tendência comportamental batizada de Economia Afetiva. Um poder de organizar o todo – vida social, política, econômica, cultural. O que por muito tempo foi visto como assunto fora de pauta, ganho cada vez mais espaço no lifestyle dos novos tempos".

 

 

De agosto a setembro de 2018 aconteceu a segunda edição do TRAMA AFETIVA, que selecionou 10 estudantes e profissionais entre 443 inscritos, interessados no tema do upcycling para continuar pensando consumo, processos criativos e produtos na #ModaProNovoMundo. A abertura do Trama AFETIVA 2018 aconteceu com o Seminário Design para um Mundo Melhor. Um encontro aberto ao público, no Istituto Europeo di Design - IED São Paulo, que recebeu talks sobre moda, sustentabilidade e gênero, com Alexandre Herchcovitch, Marina Colerato, Andrea Bisker, Dani Leite (Comida Invisível), Roger Koeppl (Cooperativa YouGreen), Cláudio Bueno (Platarfoma Explode!),  Peri Pane, Itiana Pasetti, Amélia Malheiros, Jackson Araújo e Luca Predabon.

 

 

 

Nesta edição tivemos novamente Alexandre Herchcovitch e Marcelo Rosenbaum como tutores, além da designer Itiana Pasetti, uma das criadoras da marca de upcycling Revoada (vale lembrar que Itiana foi participante da primeira edição do projeto, e que nesta segunda edição voltou como tutora). Também contamos mais uma vez com a colaboração preciosa do Grupo Cardume de Mães. Também contamos com oficinas e imersões com grandes nomes que estão pensando um novo mundo e uma nova moda. As estilistas Agustina Comas e Flávia Aranha, o projeto Comida Invisível e a Cooperativa YouGreen estiveram junto de nossos Trameiros compartilhando ideias e conhecimentos. O desafio criativo dessa segunda edição foi ressignificar resíduos de malha da Cia. Hering.

 

 

O resultado foi a Coleção NÓS, de vestuário e objetos, e a linha Novo Básico, criações com modelagens quadradas com desperdício zero de tecido. Nessa edição também contamos com a impressora digital da Epson e criamos estampas a partir das identidades entrelaçadas de nossos Trameiros.

 

 

 

 

 

 

 

 

Você pode acompanhar as transmissões feitas ao vivo aqui e ver algumas das criações da Coleção Nós aqui no álbum em nossa página no Facebook.

 

Para realizar o TRAMA AFETIVA, contamos com apoios e parcerias fundamentais de marcas, institutos e outras instituições. No histórico de apoiadores temos marcas como Cia.Hering, Hering, Epson do Brasil, IED-SP (Istituto Europeo di Design), Expor Manequins.

 

A edição de 2018 foi viabilizado pela lei do Proac ICMS, de São Paulo.

 

Acompanhe o projeto em nosso Instagram @fhhconectada.

 

Vem tecer essa trama com a gente!

Quer ajudar a Fundação Hermann Hering a promover uma transformação social? Existem várias maneiras de contribuir ou então participar dos nossos projetos, confira:

Fundação Hermann Hering Museu Hering Centro de Memória