Veja o desenvolvimento da técnica de Fumigação que estamos realizando em nosso Laboratório de Conservação!

Os museus e os espaços de memória e pesquisa exploram a fundo cada informação mínima presente em um documento: qualquer anotação, efeito do tempo ou vestígio deixado nos mesmos, serve para a compreensão de contextos e trajetórias de um documento até a sua chegada e transformação em acervo, também conhecida como ‘musealização’. Nesse contexto, os trabalhos de tratamento iniciais consistem em limpeza e preservação, e uma curiosa técnica chamada FUMIGAÇÃO mostra-se muito eficaz para proteger o acervo! 


Para quem nunca ouviu falar, a fumigação equivale à eliminação dos fungos de impregnados em um documento ou objeto. O fungo é um microrganismo vivo, que muitas vezes parece inofensivo, mas na verdade é um dos principais agentes de degradação e enfraquecimento de um material como papel, por exemplo. A alta umidade e a oscilação de temperaturas em um mesmo dia contribuem para o crescimento e proliferação dos mesmos, podendo comprometer os acervos seriamente, especialmente os mais frágeis ou antigos. 


Para interromper e mesmo impedir o contágio de materiais por fungos, a técnica da fumigação (que deve aplicada por um profissional da área da museologia) consiste em deixar o documento em quarentena, recebendo contato com produtos específicos. Em nosso Laboratório de Conservação estamos aplicando a técnica, utilizando uma câmara de vedação de ar onde os documentos do projeto “Trajetórias pessoais e memória empresarial em Blumenau: Ações de preservação e Inventário de documentos do Castelinho de Gertrud Gross Hering”, ficam expostos à evaporação do óleo de melaleuca, um óleo de origem vegetal, cujos efeitos fungicidas são conhecidamente divulgados, além de ser seguro para a manipulação pelas pessoas. 


Após o efeito da quarentena, os documentos são higienizados como de costume, com trinchas (pinceis específicos), folha por folha; são armazenados em embalagens de papeis que evitam fungos, onde permanecem à serviço da pesquisa e das pessoas.


Este projeto tem o patrocínio do Fundo Municipal de Apoio à Cultura de Blumenau. Mais infos sobre o projeto AQUI


Realização

Fundação Hermann Hering Museu Hering Centro de Memória